Lira ameaça expulsar deputado do PSol do plenário em bate-boca

Braga (PSol-RJ)disse que não seria “calado por um ditador”; o presidente reagiu: “usarei de medidas mais duras para retirá-lo do plenário”

Após um caloroso bate-boca, o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL) ameaçou usar a força para expulsar o deputado Glauber Braga (PSol-RJ) do plenário em sessão na tarde desta terça-feira.

A confusão se deu durante votação de projeto que tratava de mudanças na política de preço da Petrobras.

Durante a confusão, Braga queria a palavra para encaminhar a matéria pelo partido. Lira teria dito que ele não estava inscrito e se deu a confusão.

“Não vou ser calado por um ditador nessa sessão. Não vou ser. Não adianta. Não vou ser” – reagiu Braga, diante de um microfone desligado.

Foi quando Lira reagiu e ameaçou expulsá-lo do plenário.

“Se o deputado Glauber quiser pode fazer o Carnaval. Mas se continuar faltando com respeito à Casa ou a qualquer deputado, como é useiro e vezeiro, eu usarei de medidas mais duras para retirá-lo do plenário” – disse Lira.

Lira anunciou que iria levar Braga ao Conselho de Ética.

O clima começou a esquentar quando Braga dirigiu-se a Lira assim: “Gostaria de saber se o senhor não tem vergonha”.

“Vossa Excelência está muito mal-acostumado, não pode fazer isso. Não vai tumultuar a sessão sozinho” – reagiu Lira.

“Não ganhará no grito, deputado” – completou o presidente.

Fonte: Metrópoles.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s