“Ainda não há motivo para pânico”, diz Tereza Cristina, sobre fornecimento de fertilizantes

Belarus interrompeu o envio do produto ao Brasil e a Rússia começa a enfrentar dificuldades para escoar o produto para fora da Europa.

Em entrevista ao blog da Andréia Sadi, a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse que acompanha com atenção aos desdobramentos da guerra na Ucrânia, mas ressaltou que ainda não há “motivo para pânico” em relação à possibilidade de escassez de fornecimento de fertilizantes para o Brasil.

Ontem, Belarus interrompeu o envio do produto ao Brasil – 6,1% do que é consumido pelas lavouras brasileiras vem da Bielorrússia. A Rússia fornece 20% dos fertilizantes utilizados pelo Brasil.

“Não temos certeza do impacto ainda, tudo vai depender da evolução do conflito: mas não há motivo para pânico. Temos buscado alternativas se isso ocorrer e debatemos saídas, além do plano nacional de fertilizantes que discutimos desde 2020”, disse a ministra (foto).

Fonte:Oantagonista.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s