61% dos beneficiários do Auxílio Brasil preferem Lula a Bolsonaro

Dados são da última pesquisa divulgada pelo Instituto Datafolha; Bolsonaro tem a preferência de 16% dos eleitores desse grupo.

Ex-presidente Lula com boné de campanha de Boric, presidente eleito do Chile

O Auxílio Brasil, programa criado por Jair Bolsonaro (PL) para substituir o Bolsa Família, não trouxe o efeito desejado para o atual presidente. Segundo mostra a última pesquisa divulgada pelo instituto Datafolha , 61% dos beneficiários do programa preferem Lula ao atual chefe do Executivo, que tem a preferência de 16% dos eleitores que recebem a verba do governo federal.

O percentual de voto de Bolsonaro entre os que recebem o auxílio é inferior aos 22% obtidos no resultado geral.

Ex-presidente Lula com boné de campanha de Boric, presidente eleito do Chile
O AntagonistaEx-presidente Lula com boné de campanha de Boric, presidente eleito do Chile

O Auxílio Brasil, programa criado por Jair Bolsonaro (PL) para substituir o Bolsa Família, não trouxe o efeito desejado para o atual presidente. Segundo mostra a última pesquisa divulgada pelo instituto Datafolha , 61% dos beneficiários do programa preferem Lula ao atual chefe do Executivo, que tem a preferência de 16% dos eleitores que recebem a verba do governo federal.

O percentual de voto de Bolsonaro entre os que recebem o auxílio é inferior aos 22% obtidos no resultado geral.Continua após a publicidade

Em entrevista na semana passada ao podcast Podpah, Lula disse que Bolsonaro se iludiu ao crer que a implementação do programa seria suficiente para reelegê-lo. De acordo com o petista, o PT votou por um valor maior no Congresso. “Pagarei mais se me reeleger”, disse.

Ex-presidente Lula com boné de campanha de Boric, presidente eleito do Chile
O AntagonistaEx-presidente Lula com boné de campanha de Boric, presidente eleito do Chile

O Auxílio Brasil, programa criado por Jair Bolsonaro (PL) para substituir o Bolsa Família, não trouxe o efeito desejado para o atual presidente. Segundo mostra a última pesquisa divulgada pelo instituto Datafolha , 61% dos beneficiários do programa preferem Lula ao atual chefe do Executivo, que tem a preferência de 16% dos eleitores que recebem a verba do governo federal.

O percentual de voto de Bolsonaro entre os que recebem o auxílio é inferior aos 22% obtidos no resultado geral.Continua após a publicidade

Em entrevista na semana passada ao podcast Podpah, Lula disse que Bolsonaro se iludiu ao crer que a implementação do programa seria suficiente para reelegê-lo. De acordo com o petista, o PT votou por um valor maior no Congresso. “Pagarei mais se me reeleger”, disse.

Entre os brasileiros que vivem em situação de insegurança alimentar, Lula tem vantagem suficiente para vencer as eleições em primeiro turno , com 62% dos eleitores do grupo, ante 11% de Bolsonaro.

Entre aqueles que consideram ter mais comida do que o suficiente em casa, Bolsonaro e Lula empatam tecnicamente: 37% a 35%, respectivamente.

Fonte: IG.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s