Polícia Federal investiga ataques virtuais aos sistemas do Ministério da Saúde

Os sistemas da Pasta continuam fora do ar desde o ataque na madrugada desta sexta-feira (10).

Uma equipe da PF está no 'data center' do Ministério da Saúde.

Nesta sexta-feira (10), os sistemas do Ministério da Saúde foram virtualmente atacados. Assim, a PF (Polícia Federal) foi acionada para investigar os ataques cibernéticos.

Foram atacados o site e aplicativo do ConecteSUS, além da plataforma do Ministério da Saúde. O caso aconteceu na madrugada desta sexta-feira (10) e derrubou os servidores dos sistemas.

Assim, os usuários não conseguiram acessar os dados e baixar o comprovante de vacinação. O ataque foi assumido por um grupo chamado de ‘Lapsus$’.

Nas duas páginas, os invasores escreveram que o portal sofreu um ataque “ransomware” e que “50 TB de dados foram copiados e excluídos”. Algumas horas depois, a mensagem foi excluída, mas as páginas seguem inacessíveis até às 16h52 desta sexta-feira (10).

Segundo a Polícia Federal, uma equipe do Núcleo de Operações de Inteligência Cibernética está no ‘data center’ do Ministério da Saúde, o DATASUS. Até o momento, foi constatado que os bancos de dados da Pasta não foram criptografados — ou seja, continuam acessíveis.

Fonte: Midiamax.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s