STF bloqueou cerca de R$ 20 milhões da Aprosoja na véspera do 7 de Setembro

Supremo Tribunal Federal (STF) bloqueou cerca de R$ 20 milhões da Associação de Produtores de Soja (Aprosoja) na véspera das manifestações de 7 de Setembro. As informações são do analista de Política da CNN Caio Junqueira.

Os valores são divididos entre a Aprosoja-MT e a nacional. A quantia consta em um ofício encaminhado no dia 14 de setembro pelo Banco do Brasil ao ministro da corte Alexandre de Moraes.

As informações foram anexadas no inquérito 4879, que investiga a organização e o financiamento dos protestos em favor do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) no feriado da Independência.

O ofício também informa que a chave Pix 7desetembro@portalbrasillivre.com, que foi criada em agosto para que as doações para organizar os atos fossem remetidas, não encontra correspondente no banco. Porém, instituição Banco do Brasil informou ao STF que ela foi criada pela empresa WD dos Santos Construções.

A construtora é sediada em Dourados, no Mato Grosso do Sul. A CNN tentou entrar em contato com a empresa, mas não obteve resposta.

A Aprosoja-MT disse à reportagem que seus recursos já foram desbloqueados. Já a Aprosoja nacional informou os seus ainda estão bloqueados e que aguarda uma resposta da corte sobre o pedido.

Ambas afirmaram que não financiaram as manifestações.

(Publicado por Evandro Furoni)

Fonte: CNN.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s