ESQUEMA COVAXIN. BOLSONARO PODE TER SIDO GRAVADO

O deputado Luis Miranda (DEM-DF) em debate na Câmara

Parte expressiva do Centrão, sobretudo o PP, discutiu internamente neste fim de semana fazer uma representação contra o deputado Luís Miranda no conselho de ética da Câmara pela grave acusação que envolve Ricardo Barros, deputado e líder do governo.

Em condições normais, seria líquido e certo pedir a abertura de um processo de cassação de Miranda.

O que travou qualquer movimento é a possibilidade de Miranda ou o seu irmão terem gravado Jair Bolsonaro na conversa que os três tiveram no Palácio da Alvorada no dia 20 de março. Nela, segundo Miranda, Bolsonaro teria dito que a história da compra da vacina indiana era um “rolo” de Barros.

A “O Estado de S. Paulo”, Miranda afirmou que teria como provar o que disse na CPI:

— A gente tem como mostrar a verdade e de um jeito que vai ficar muito ruim para o presidente.

Como, de acordo com um integrante do Centrão, “ninguém sabe se é blefe ou não”, optou-se por esperar.

O Centrão não está disposto, portanto, a pagar para ver. Aliás, nem o Centrão e nem Bolsonaro que até agora não deu um pio sobre as acusações.

Fonte: Oglobo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s