DEM/MDB: Sem os campeões de votos, siglas devem diminuir de tamanho

Há três meses da eleição, os dois partidos com maior representatividade no parlamento Municipal DEM e MDB, podem terminar o processo eleitoral menor do que vão entrar. Atualmente o partido que é dirigido pelo presidente da Câmara, que na última semana se lançou como pré-candidato à prefeito, tem a maior bancada com 5 vereadores, enquanto que o MDB que é presidido pelo ex-prefeito tem 3 vereadores.

No entanto nos bastidores comenta-se que com a possibilidade do presidente insistir em sua candidatura ao executivo, e com o isolamento do partido de seu antigo aliado político, o DEM, terá dificuldades em eleger 2 vereadores. Inclusive, segundo levantamentos feitos internamente, já que o vereador Marlão, afirmou por diversas vezes de que não será candidato, os com maiores chances de reeleição, seriam Everton Cristiano e Ilie Vidal, acabando assim, com a falácia de que o partido sozinho tem mais força que os demais partidos. Sem Nô e Marlão, pela quantidade de votos que fizeram na última eleição, é possível dizer que de cara já perdem uma cadeira.

Já no MDB que tem em suas fileiras os vereadores João Pedro Alves, Juraci de Sousa e professor Mário Furlan, pode perder os 3, já que à amigos João Pedro vem afirmando que não será candidato à reeleição, e que pode vir a apoiar sua assessora.

Por outro lado, a vereadora Juraci vem afirmando desde o início de seu sexto mandato que dará lugar aos mais novos, neste caso, ela deve deixar de disputar o pleito e apoiar seu genro que é pré-candidato à vereador.

Ouro representante do partido que pode não concorrer à reeleição é o professor Furlan, que está em seu primeiro mandato, mas que segundo fontes, vai se dedicar à escola da qual foi eleito diretor. Furlan, vêm sendo a voz da oposição nesta gestão.

Pela análise, é possível dizer que com a saída dos sempre “campeões de votos” ao legislativo, que dificilmente surgirão nomes com o potencial de arregimentar tantos votos, como os vereadores citado acima, vem conseguindo ao longos de diversas eleições, sendo assim, seus partidos podem diminuir de tamanho na próxima gestão.



Categorias:Sem categoria

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: