Câmara de Rio Brilhante anuncia medidas de combate ao coronavirus

Resultado de imagem para vereador no

Como forma de prevenir a disseminação do coronavírus, a Câmara Municipal de Rio Brilhante, por meio de sua Mesa Diretora e da portaria nº 19, de 18 de março de 2020 assinada pelo presidente José Maria Caetano de Sousa – Nô e pelo secretário Éverton Cristiano Carvalho, toma algumas medidas internas, de modo a preservar a saúde de todos que frequentam esta Casa de Leis.

A Mesa Diretora ressalta as principais medidas tomadas através da portaria que entra em vigência a partir da data de 19/03:

Ficam temporariamente suspensos na Câmara Municipal de Rio Brilhante:

– O atendimento presencial do público externo, que será prestado por meio eletrônico ou telefônico;

– A cedência do Plenário Senador Ramez Tebet;

– Todos os eventos agendados no Plenário Senador Ramez Tebet também ficam canelados por tempo indeterminado.

Quanto ao acesso às dependências da Câmara Municipal será permitido exclusivamente para vereadores, servidores, terceirizados, fornecedores devidamente identificados, servidores de outros órgãos públicos e outros casos autorizados pelo Diretor de Administração desta Casa de Leis.

O expediente regular da Câmara Municipal passa a ser de segunda-feira a sexta-feira das 8h às 11h.

As pessoas com sintomas visíveis de doenças respiratórias não terão acesso ao recinto da Câmara.

Durante as sessões plenárias e as reuniões das comissões, será permitida a permanência no recinto apenas dos vereadores e do pessoal necessário para sua realização. Será assegurada a publicidade das sessões por transmissão pela internet.

Por precaução desde o início desta semana, foi disponibilizado dispensers de álcool gel, em pontos estratégicos do prédio, e frascos do produto foram entregues em todas as salas.

O presidente da Câmara vereador Nô, esclarece que as medidas estão alinhadas com ações anunciadas pelo governo do Estado de Mato Grosso do Sul,  em relação aos cuidados com espaços públicos.

“Diante do problema que assola diversos países em que o vírus já se propagou e sabedor da pouca estrutura da nossa rede de saúde em viabilizar os devidos atendimentos, então precisamos ser prudentes em adotar medidas que possam reduzir esses riscos”, avalia Nô.

Fonte: Assessoria.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.