TSE nega recurso e Foroni está inelegível por 8 anos

O Tribunal Superior Eleitoral ao julgar o agravo interposto pelo ex-prefeito Sidney Foroni, em razão da decisão que o condenou no Tribunal Regional Eleitoral, manteve a condenação da perda dos direitos políticos por 8 anos e ao pagamento de multa no valor de R$53 mil reais.

O ministro relator do processo Herman Benjamin, negou o seguimento do recurso interposto pelo ex-prefeito, ao acolher a tese da promotoria que o denunciou por com base na Lei 9.504/97, que já havia sido aceita em decisão do TRE, que por unanimidade mantiveram a condenação de primeira instancia.

Com esta decisão o ex-prefeito fica inelegível por 8 anos e não poderá disputar as eleições de outubro. Foroni, como é conhecido pela população, foi vereador por 5 mandatos, sendo um ferrenho opositor da atual administração, e em 2012 foi eleito prefeito com mais de 1500 votos à frente da ex-vice prefeita.Em 2016 ao disputar a reeleição, acabou perdendo para o seu maior desafeto político. Mesmo fora de mandato, Foroni continua sendo muito popular entre seus eleitores, e até então, vinha sendo muito bem avaliado nas pesquisas de intenções de votos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.