Flávio Bolsonaro usa carro oficial do Senado no almoço do sabadão com a família

Debochado, o motorista foi logo entregando Flávio Bolsonaro.

O senador Flávio  Bolsonaro (RJ) é o filho mais velho do presidente da República e, muito bem pago no Senado, não deve enfrentar grandes dificuldades financeiras, mas no almoço deste sabadão (16) recorreu ao bolso do contribuinte.

Para chegar com sua mulher e filhas ao restaurante italiano Rosário, um dos mais requisitados de Brasília, na QI 17 do Lago Sul, o primogênito da família mais poderosa do País usou o carrão oficial de representação, cuja placa nº 17 é mais um privilégio: coincide com o número do PSL, partido pelo qual se elegeu.

O senador se utilizou também do motorista do Senado, pago pelo contribuinte, que durante uma hora e meia o aguardou no automóvel, um Nissan Sentra preto, que custa no mercado entre R$85 mil e R$107 mil.

Quando o Diário do Poder registrava o flagrante do carro oficial de autoridade em pleno feriadão, o motorista entregou logo quem era o chefe, de maneira debochada: “fique à vontade, é do senador Flávio Bolsonaro”. O motorista só teve o cuidado de evitar a entrada do restaurante, estacionando o veículo na parte dos fundos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s