Vinda de Reinaldo à Rio Brilhante se torna fiasco

Os professores de Rio Brilhante, deram, um nó tático no cerimonial da prefeitura e também do governo do estado, que foram pegos de surpresa com a manifestação pedindo que o governador Reinaldo Azambuja, desse a categoria o tratamento que merecem.

Empolgados com os cantores de expressão nacional que alegraram a noite dos munícipes, os organizadores das festividades, não contaram que poderiam ocorrer incidentes que deixariam o chefe do executivo com a cara no chão.

Visivelmente constrangido, o governador que já havia sido notícia em rede nacional, onde no programa Fantástico da Rede Globo no último domingo, seu filho apareceu como sendo uma das pessoas que teriam encomendado a morte de um homem conhecido por Polaco, que estaria chantagiando o governador, nos casos de propina da JBS.

O que parecia ser apenas um dia calmo, numa cidade do interior, onde o prefeito é conhecido por ser linha dura, e aparentemente manda e desmanda na cidade, acabou saindo do controle, e o convidado foi recebido por um grupo de professores com faixas, apitos e gritos de órdem. Sem esperar por tal reação, o constrangimento, foi ainda maior quando alguns presentes que fazem parte da administração municipal, acreditando que tal ato, seria um comício em prol do governador começaram a gritar o nome de Reinaldo, aí o grupo de professores passou a cantar o nome do programa fantástico, o que fez com que toda comitiva se retirasse do local, sem que o governador fizesse seu discurso na inauguração da obra da feira, que foi construída com recursos dos deputados Vander Loubet e Zeca do PT.

Para pior ainda mais a saia justa, vereadores que deveriam apoiar a iniciativa dos educares que clamam por melhores condições foram atacados pelos seus representantes. Um vereador chamou uma professora que reivindicava melhorias de “Cobra”, já outro vereador conhecido por ser o topa tudo contra o povo, atacou a manifestação, dizendo que se tratava de meia dúzia de gatos pingados, que estavam sendo incentivados por um vereador de oposição. No desespero para tentar apagar o episódio, sobrou ataques até para o MDB, partido do ex-prefeito, que foi chamado de falido.

Como se pode observar, a política em Rio Brilhante não é para amadores, e um pequeno descuido, pode se tornar um vexame de dimensão estadual, já que o episódio foi noticiado por vários veículos de comunicação do estado.

Em 2012, numa greve dos professores que reivindicavam melhores salários, o atual prefeito foi na rádio, e acabou chamando os manifestantes de vagabundos. A revolta foi tamanha, que os professores e todos aqueles que apoiam a educação, se juntaram e deram nas urnas a resposta ao prefeito, mais de , mil e quinhentos votos de diferença, sobre a candidata apoiada por ele.

O desespero do pessoal foi tamanho, que ao irem para as redes sociais dizerem os feitos da administração do governado em nosso município, se atrapalhavam nos números. Dependendo do mentiroso, falava-se em R$ 15 milhões em investimentos, outro dizia R$20, e os mais empolgados falavam em R$30 milhões. Fato é, que a política de Rio Brilhante, mexe tanto com os nervos de alguns, que uma simples manifestação pacífica, direito de qualquer cidadão se torna um vexame, pois alguns imaginam que em pleno século 21, estamos regidos por coronéis, que mandam e o povo obedece. O movimento dos professores é um lembrete a toda população, de que na democracia, o Poder está nas mãos do povo que luta por seus direitos, e não em cargos que podem ser trocados a qualquer momento.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s